Potter Go


Você está pronto para essa aventura?
 
InícioPortalFAQGaleriaBuscarMembrosCalendárioGruposRegistrar-seConectar-se
Sejam muito bem vindos ao PotterGo!
:: Topsites Zonkos -[Zks]::
Não deixe de registrar sua trama, só assim você participará da trama principal do RPG! Para mais informações clique aqui!
Novatos, para melhor entender nosso sistema, não deixe de visitar nosso Guia para Novatos
Confira os novos cargos emHogwarts
Confira todas as notícias do Profeta Diário aqui.

Compartilhe | 
 

 Cozinha

Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3
AutorMensagem
Dianna Maddison Odegaard
Chefe de Departamento
Chefe de Departamento
avatar

Idade : 28
Mensagens : 31
Localização : Ministério da Magia

Ficha Bruxa
Casa:
Ano Escolar:
Varinha:

MensagemAssunto: Re: Cozinha   Seg 21 Maio 2018 - 18:20



O Auror



Aescolha do vinho veio como imaginei, um belíssimo Cabernet envelhecido, dizem que são os melhores. - Uma família tradicional que não é fiel ao vinho, estranho. - sorri apos o auror afirmar que sua família, não era tão afim de um bom vinho. Assenti com a cabeça quando Luth comentou sobre me chamar para demais almoço naquele grandioso castelo.
Observei seu caminhar ate onde a lasanha estava servida a grandes temperaturas para saciar nosso paladar, como disse ele domina a cozinha, foi ao momento certo, pois já retirava a mesma servido a mesa juntamente com o vinho, taças, pratos e talheres. - Bon Apetite. - disse com sotaque dinamarquês que uma hora outra batia a saudade.
Aquela lasanha estava completamente perfeita, anos que não sabia o que era provar aquelas comidas que sentia tanta falta, - Hum.. delicia, esta de parabéns. - sorri afirmando o bom cozinheiro auror a minha frente.

- Gosto muito de conhecer pessoas, acho que amadureci esse meu lado apos a Dinamarca, - disse dando um gole na taça de vinho, - Amo leituras, ficar atenta aos esportes, uma das colunas preferidas do profeta diário. - finalizei com um sorriso quando se tratava de esportes.
-Mas e você, alem de auror e bom cozinheiro. - perguntei me referindo ainda sobre o prato preparado pelo mesmo. Os minutos se passavam ao som de boas risadas e conversas que estávamos tendo, por um momento imaginei que o conheceria a tempos e me esqueci por completo que o vi pela primeira vez a poucas horas atras.
Me levantei para levar o prato e a taça de vinho ao lavatório de talheres que se estendia pela mesa de granito, lavei minhas mãos e restando o ultimo gole ainda na taça, virei-me para o auror, - Gostei muito de... - fui interrompida quando vi o molho que antes ocupava o seu prato estava estampado naquele preferido suéter branco, junto com a mistura do vinho restante na taça, Luth veio ao encontro na mesma hora quando me virei, - Oh sorry. - o inglês tímido se soltou a meio risos, - Sempre ouvi que a mistura de sabores eram fantástica, mas não desta forma. - soltei com gargalhadas, tirando um pouco do molho do canto da boca, fitei seu olhar quando Luth reviravam sua camisa manchada de molho, - Tenho certeza que não posso ir embora desta forma. - disse retirando o suéter, ficando apenas com uma fina blusa branca com alça de cetim ainda em sua frente.
Havia sido uma trombada e tanto, o vinho que antes retinha na taça agora estava ou em nossas roupas ou no chão, com o suéter na mão e a meio a risos, levantei o pé com a simples intenção de sair de toda aquela bagunça, mas fui vitima do molho novamente escorregando sob o seu peitoral com sua parte superior a amostra quando Luth ainda estava a retirar a camisa suja de molho vermelho. - Opa. - sussurrei.



 

----------------------------------------------------------------------------

______________________

Dianna Odegaard
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Luth Staminkhov Odegaard
Auror Tramista
Auror Tramista
avatar

Idade : 27
Mensagens : 44
Localização : No mundo.

Ficha Bruxa
Casa: Lufa-Lufa
Ano Escolar: Concluído
Varinha: Olmo, 37cm, maleável, corda de coração de Dragão

MensagemAssunto: Re: Cozinha   Qui 24 Maio 2018 - 0:02



Aquela lasanha era a melhor que comi em minha vida, não só pelo fato de ser eu mesmo o criado dela, mas porque os ingredientes estavam perfeitos e pareciam frescos, dava para sentir o gosto de cada alimento. E pela expressão de Dianna, acho que ela adorou também nosso delicioso almoço e olha que botou a mão na massa ainda, então nossos créditos poderiam ser divididos. — Obrigado. Você também está, contribuiu para nosso almoço, não é justo eu apenas ficar com os méritos. — Minhas palavras saíram num timbre doce, sorrindo para a mesma. Estava me contando sobre o que curtia fazer e a primeira impressão que tive foi '' Quem não gostaria de conhecer ela? '' Bonita, simpática e articula muito bem. São qualidades que qualquer homem deseja numa mulher, e ela era o pacote inteiro. — Ler é ótimo, não que tudo o que esteja escrito seja bom...mas, os livros são os mulheres. Eu não costumo ler muito, o trabalho me ocupa demais e as coisas que leio são artigos dos condenados e assim por diante. — Entrei no assunto para deixar uma pequena opinião do meu gosto e também algo que não batia com os meus planos de poder ler um livro mais. Mais a fundo quando ela tocou no assunto do Diário Profeta recordei de quando minha sobrinha queria me colocar lá como um dos homens mais bonitos e solteiros, de início achei uma ótima ideia mais depois fui começando a ver que não seria bom para minha reputação dentro do ministério, ainda mais quando se tem um irmão Ministro da Magia.

— Ah...— Pensei no que iria responder, levando um sorriso no rosto. Observando ela se levantar retirando seu prato da mesa, prontamente dando o seu último gole na bebida o prato que segurava havia resto de molho e por infelicidade minha ele caiu no meu suéter caríssimo. Ryan que me enviou quando estive na Alemanha, uma coleção inédita e singela no mundo, vi meu sonho de ter aquilo intacto para sempre indo por águas a baixo. Como não queria constranger ela, demonstrei com a mão que estava tudo bem, empurrando a cadeira para trás e me levantando calmamente, desabotoando ela por inteira. — Não se preocupe, é apenas uma roupa. — Murmurei não me importando mais com o tecido, me esforçando para tentar limpar ela, porém aquela mancha vermelha não queria sair nem a pau, o que me desanimou um pouco. — Não, não...pode ficar tranquila isso é o de menos, não se importe por favor! — Ela realmente se importou com seu deslize e seria errado de minha parte querer cobrar algo dela, apenas pedi do fundo do meu coração que não se importasse com a roupa. Me afastando um pouco da mesa, fitando aquele chão sujo de molho, ponderei que estávamos num canavial de molho. Cansado de falhar, retirei a camisa ficando com meu peitoral nu, sentindo um pouco de vergonha por estar na presença dela. Para ela poderia ser uma ótima visão, quando de repente quando deu o passo para vim ao meu encontro escorregou no molho vindo direto para meus braços, segurando ela pela cintura. — Opa. — Gargalhei meio sem jeito. — Acho que o molho quer nos atacar, ou ele quer outra coisa...— Disse quase em forma de sussurro, acariciando a cintura dela sem perceber. — Posso pegar você no colo para não cair de novo, quer? — Sorri brincando com o deslize dela.

______________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Dianna Maddison Odegaard
Chefe de Departamento
Chefe de Departamento
avatar

Idade : 28
Mensagens : 31
Localização : Ministério da Magia

Ficha Bruxa
Casa:
Ano Escolar:
Varinha:

MensagemAssunto: Re: Cozinha   Sex 25 Maio 2018 - 21:41



O Auror



A situação ficava mais embaraçosa possível, a cada tempo tentando se desviar da situação, porem todas sem sucesso, não foi da minha intenção cair em seus braços, fitando aquele olhar magico e hipnotizante, - É.. talvez o molho queira algo a mais. - sorri enquanto sentia suas mãos firmarem em minha cintura, ''Que pegada'', por um momento desviei meus pensamentos inoportunos a situação.
Ainda sobre suas mãos apoiada em seu peitoral, sussurrei quase que de encontro com seu rosto, - Agradeceria muito se me pegasse, pelo visto minha tentativa de sair daqui não foi bem sucedida. - afirmei com um sorriso tímido. Nunca imaginei aquela situação, não que não quisesse, porem nunca imaginei, enquanto o auror falava bem próximo a mim, continuava a sentir suas mãos sob minha cintura com firmeza, realmente estava me segurando.

Sorri daquela situação deixando a mostra a minha timidez, - Acho que no final, o molho quer, que façamos isto. - com o ato repentino, selei meus lábios aos seus, com um beijo lento, suave e ao gosto do vinho cabernet. O beijo quase que preparado pela situação, parecia ser desejado pelas ambas as partes, cada movimento dos meus lábios era respondido pelo auror. Uma das minhas mãos que antes ocupava seus músculos do braço, neste momento estava conhecendo seu peitoral nu por completo, enquanto a outra acariciava seu rosto suavemente, suas mãos apertavam seu corpo contra o meu, deixando aquela situação um pouco mais intensa.

- Oh... desculpa Luth.. eu... er.. não... - as palavras se perderam dentro da minha boca depois de soltar seus lábios, buscava incansavelmente algum argumento para minha atitude atrevida, gaguejei com o rosto corada, porem ainda com o corpo sobre o poder de suas mãos, poderia sentir sua respiração mesmo com a cabeça abaixada, - Desculpa, er... hã, preciso tomar um banho, sera que posso usar algum toalete?  - tentei sem sucesso pedir desculpas pela embaraçosa situação, não tinha como saber se o auror havia aprovado o ato, pedi que usasse um banheiro para pudesse me limpar de todo aquele molho, com toque cabernet.

 

----------------------------------------------------------------------------

______________________

Dianna Odegaard
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Luth Staminkhov Odegaard
Auror Tramista
Auror Tramista
avatar

Idade : 27
Mensagens : 44
Localização : No mundo.

Ficha Bruxa
Casa: Lufa-Lufa
Ano Escolar: Concluído
Varinha: Olmo, 37cm, maleável, corda de coração de Dragão

MensagemAssunto: Re: Cozinha   Qua 30 Maio 2018 - 0:13


Numa investida rápido dos lábios dela, tocando aos meus levemente molhados e ainda com o gosto do vinho. Gerou um sentimento e uma sensação boa para mim, uma de minhas mãos; a canhota deslizou-se da cintura para a nuca, gerando caricias naquela região delicadamente. Em contrapartida a outra meio que abraçou sua cintura trazendo contra meu corpo sem muita delicadeza, aquela famosa pegada bruta. Sem muito pensar no beijo em si, me veio um peso na consciência em estar fazendo algo de errado, afinal havia prometido para meus filhos que nenhuma mulher poderia substituir a mãe deles, mas isso ainda quando estávamos juntos sendo uma família muito feliz. Mesmo assim continuei o beijo, não se importando mais com nada, apenas com aquele momento.  

Os lábios se afastaram vindo com um pedido de desculpas um pouco gago e com um rosto todo vermelho de timidez por ter feito tal coisa. Paralisei por alguns segundos sem saber o que dizer, aquele famoso momento que a pessoa te pega de jeito e te deixando sorrindo, eu estava a esse ponto. — É... não, não, desculpa eu. Eu vim para cima de você... — Desci minha mão canhota para a cintura dela, explicando e acreditando que ela poderia acreditar fielmente que foi por minha culpa que o beijo aconteceu, contudo por dentro estava feliz por ter acontecido. A única pessoa que me deixou feliz nessa vida e foi capaz de tocar nesses lábios, foi minha antiga esposa. — Claro, claro... Pode ir ao meu quarto, lá tem tudo o que precisa. — Me afastei dela pegando em sua mão e indo para meu quarto para que pudesse tomar um banho.  

______________________

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Cozinha   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Cozinha
Voltar ao Topo 
Página 3 de 3Ir à página : Anterior  1, 2, 3
 Tópicos similares
-
» Cozinha
» Cozinha do Exercito e Salão de Refeitório
» Cozinha Real
» Cozinha
» [Kiri] Restaurante Hōzuki's

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Potter Go :: Mundo Trouxa :: Europa :: Noruega :: Castelo Odegaard :: Subsolo-
Ir para: